As manias das mulheres #2

Há uma coisa na minha mãe que sempre amei de ódio: para sairmos de casa para qualquer lado tínhamos de deixar a casa intocável! Tudo arrumadissimo! E eu perguntava-me “mas para quê? A seguir estamos de volta e podemos arrumar.”

Resposta: Nós sabemos como saímos, mas não sabemos como entramos. Nunca se sabe o que pode acontecer. E se acontece alguma coisa depois é uma vergonha.

Isto é lindo, lindo. Este espírito de passeio fascina-me. Ora então, vamos ali dar um passeio. Mas arrumamos primeiro a casa de uma ponta á outra, limpamos o pó, arrumamos a roupa, passamos a esfregona, damos verniz na madeira, damos ali um retoque na pintura, que nunca se sabe se não temos um acidente pelo caminho, ou sei lá eu até morremos e depois como é? Vem cá a aldeia visitar-nos, ou, meus amigos, ao nosso velório. E depois como é gente? Como é? Está ali a sapateira cheia de pó, está ali uma rachadela na parede, está ali um chinelito fora do sitio, está ali uma cueca no chão. Meu Deus, que vergonha!

Tanto reclamei, tanto gozei, tanto achincalhei a minha mãezinha com este pensamento (que ela me perdoe), e ela rogou-me uma praga tão grande, tão grande que virei a versão dela mais nova 25 anos. Que os santinhos todos me perdoem (já que ontem era dia deles) mas ontem antes de sair de casa passei a minha casinha toda a pente fino (para não dizer a cotonete). Isto dá cabo da cabeça de uma pessoa. Aqui A Mãe Do António fica velha.

Do alto dos meus 24 anos não consigo ver um chinelito fora do sitio, senhores. Alguém conhece o antídoto? (já implorei á minha mãe que desfizesse a praga, mas ela diz que assim é que está certo. Acho que ela não me ama).

Ao menos é fim de semana prolongado. Posso limpar a casa outra vez hoje e amanhã. Ufa!

Publicado por amaedoantonio

Sou uma mulher das ditas normais. Com formação em química industrial, em união de facto com um filho. A minha vida resume-se a casa-trabalho, trabalho-casa e nos intervalos tentar viver ao máximo o meu filho e o meu amor. E o importante da vida são os intervalos. É sobre os intervalos que vos falo no blog.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: